segunda-feira, 4 de novembro de 2013

Santorini

Santorini, é uma ilha vulcânica circular localizada no extremo sul das ilhas gregas Cíclades, no mar Egeu, a cerca de 200 km a sudeste da cidade de Atenas.




A imagem mais marcante que me lembro foi a chegada na ilha, acordamos e já estávamos ancorados em Santorini, Aquelas cidades com casinhas brancas no alto do morro, em um penhasco sobre o mar reluzindo os raios solares foi realmente marcante.



Assim que chegamos na ilha de Santorini pegamos o funicular para chegar até a cidade de Fira. Outra opção seria subir as escadarias com os burros mas como acho isso um abuso do animal e até em certo ponto maus tratos não optamos por essa alternativa. Também não recomendo subir a pé pois o caminho é estreito e os animais lotam, ficam abarrotados existindo um grande risco de um coice sem falar no cheiro forte do coco dos animais.



A melhor maneira de se locomover na ilha é alugando um carro ou um quadriciclo. Os valores do quadriciclo e scooters variam entre 25 a 40 euros o dia dependendo da potencia do motor. Assim que chegamos, alugamos nosso quadricilo e fomos direto para a famosa praia Red Beach. 


A Red Beach é a praia mais famosa da ilha. Para chegar até ela é preciso dirigir uns 40 minutos e depois fazer uma pequena caminhada de uns 10 minutos. 




Ela é realmente muito longe e não acho que vale a pena se seu tempo for corrido. Ao chegarmos lá nos deparamos com uma praia abandonada, lotada de lixo. LIXO? Sim muito, bitucas de cigarro, restos de alimentos e até camisinha.



Conversei com algumas pessoas e elas me garantiram que essa praia não era assim e que o governo já estava tomando precauções para ela voltar a ser bonita. 






De todas maneiras acho que Santorini é para namorar, sentar em um restaurante em Oia ou em Fira, passear, comprar e namorar mais com uma das mais belas vistas da Grécia e não focar o dia em praia já que por ser uma ilha vulcânica elas deixam muito a desejar.



Depois seguimos para OIA que fica do outro lado da ilha. Meu Deus,o que era aquilo? parecia cenário de filme. Aquelas casas, brancas e azuis, aqueles restaurantes em cima do penhasco muitas com piscina particular. Isso sim é Santorini. Queria ficar para sempre risos.






Passeamos por Oia, almoçamos ali e terminamos o dia no centrinho de Fira. Muitas lojas, bares e diversão.





Se estiver visitando a ilha com um cruzeiro não se esqueça de chegar o mais cedo possível na fila do funicular para voltar, se programe com no minimo 1 hora  a 1 hora e meia de fila até chegar ao barco transfer do navio.



Nenhum comentário:

Postar um comentário